Domingo, 8 de Julho de 2007

O desafio .2

Ok, então aqui vão as minhas respostas ao desafio proposto pela Marina ;)

últimos cinco livros lidos foram:

The Book of Laughter and Forgetting, Milan Kundera. Kundera prendeu-me quando li o seu primeiro livro, o conhecido Unbearable Lightness of Being e este seguiu o mesmo rumo. É uma escrita que não considero absolutamente intrincada mas fácil de seguir e entender. Talvez tenha sido por isso que me apelou. Uma história feita de outras histórias ou, como tudo tem um fio condutor.

Life Is Elsewhere, Milan Kundera. Outra obra do mesmo autor, que me cativou, às vezes parece que pouco importa do que trata desde que seja de determinado autor ;) Gostei bastante, quase do mesmo modo que gostei dos outros que dele li. A vida, desde o nascimento até à morte, de um rapaz-homem-poeta e os mundos que nascem e crescem nele em cada fase por que passa.

The Nice and The Good, Iris Murdoch. Uma autora cujas histórias já tinha curiosidade em ler há muito tempo. Tem uma escrita deliciosa, já ouvi dizer que algumas obras dela são um bocado maçudas mas esta não achei. Não consegui deixar o livro de lado até o acabar e mal posso esperar para ler outras obras suas.

Stories and Texts For Nothing, Samuel Beckett. Não foi a leitura mais adequada, dados os últimos tempos. Histórias de aniquilamento interior, de existências sentidas como inexistentes. Tipicamente Beckett, em 3 histórias e 13 textos. Apesar de tudo, gostei muito.

The End of the Affair, Graham Greene. Aconselhado pela Marina, acho que tinha as expectativas demasiado elevadas. Talvez quisesse encontrar respostas nas suas páginas, não sei o que foi, mas não me cativou tanto como esperava. Bem escrito, sem dúvida, mas às vezes isso não chegava. Foi difícil criar qualquer empatia com as personagens. Mas valeu pela escrita :)


cinco livros mais marcantes:

Esta parte do desafio é bastante complicada porque acho que não tenho um livro que me tenha marcado desde sempre. Marcou na altura em que o li, provavelmente, e daí ser importante mas os que irei referir são infelizmente, recentes. Memória curta ;)


Pensar, Vergílio Ferreira. Uma autêntica bíblia do pensamento vergíliano (invento termos e tudo!). Adorei cada passagem. Está na cabeceira da minha cama, hehe.


High Fidelity, Nick Hornby. Se pudesse e a personagem existisse, Rob seria o mais próximo do meu ideal (brincadeirinha). Tem a dose necessária de neurose, fala de música com uma paixão indescrítivel e todo o livro é uma melodia da qual não nos apetece desligar.


Drinking Coffee Elsewhere, ZZ Packer. Acho que o título diz tudo ou pelo menos dá uma boa ideia. É uma escrita cheia de garra, de uma autora que espero ir dar muito que falar. Semelhante à Zadie Smith de quem também gosto bastante.


Maps for Lost Lovers, Nadeem Aslam. Nutro um amor profundo por este livro.É poesia em forma de prosa, com descrições e pormenores maravilhosos. Uma escrita que envolve em cativa em todas as palavras. Foi um prazer para todos os sentidos.


Chocolate, Joanne Harris. O livro que li há mais tempo deste conjunto. A maneira como a autora fala do chocolate é incrível, podemos lê-lo de olhos fechados e sentir o chocolate a derreter-nos na boca (juro!). Um pedaço de mau caminho ;)

publicado por xary às 20:22
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De marina a 8 de Julho de 2007 às 21:29
ler isto depois de chegar às últimas palavras de maps for lost lovers leva a minha atenção para o óbvio :P é um livro lindo, é mesmo aquilo que disseste, poesia escrita em prosa... do Kundera li a Ignorância e amei (a ponderar ler outras coisas - em Agosto lol), a Iris também me anda aqui a martelar na cabeça :) e pronto, PENSAR, a bíblia :P o Hornby... High Fidelity é *aquela* coisa...

enfim, a ver se tiro umas ideais deste teu top ;)


De maryjo a 20 de Julho de 2007 às 17:53
Dos livros que referiste, os que mais me chamaram à atenção foram Maps for lost lovers, chocolate e Pensar do nosso Vergilio.=)

Mas este ultimo tem despertado um enorme curiosidade em mim...=)

**********

gostei das escolhas=)


Comentar post

.mais sobre nós.

.pesquisar

 

.a firefly lê.

.auto-biografia de bernardo soares, livro do desassossego

.a joana lê.

.nineteen eighty-four, george orwell

.a marina lê.

.never let me go, kazuo ishiguro

.a maryjo lê.

.rio das flores, miguel sousa tavares

.a eli lê.

.cultura, dietrich schwanitz

.a sancie lê.

.little men, louisa may alcott

.a xary lê.

.the portable dorothy parker, dorothy parker

.links.

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
29
30

31


.posts recentes.

. rio libertino

. Distance

. um outro amor

. The Sea

. Em busca do carneiro selv...

. Never Let Me Go

. os retornados: um amor nu...

. ...

. duas irmãs, um rei

. The Favorite Game

.tags

. todas as tags

.arquivos.

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tanta gente.

SAPO Blogs

.subscrever feeds