Quarta-feira, 1 de Agosto de 2007

a possessão

 

um livro que tal como o titulo indica, exerceu uma possessão sobre mim, andou comigo quase 2 meses.

tomei conhecimento do livro através do filme (que nem sabia que existia) e fiquei com o bichinho. um filme que conta nas personagens principais com Gwyneth Paltrow e Aaron Eckhart. podem ver mais sobre o filme aqui.

posso dizer que um romance secundário leva a um romance principal. um investigador que descobre que existiu um romance entre dois escritores muito conhecidos (sendo um deles o seu objecto de estudo) mas dos quais nem existia qualquer referência de que se teriam conhecido. uma pequena parte de uma carta leva o investigador a desconfiar e a pedir ajuda a outra entendida na autora interveniente no romance. juntos descobrem que existiu uma história de amor entre ambos os escritores mas que fora um amor proibido. este amor enterrado leva ao surgimento de um novo amor que embora com alguns percalços acaba por ser vivido e aproveitado.

confesso que é um livro que embora comece muito naturalmente, sem indicar qualquer problema de leitura, se torna um pouco maçudo. partes que poderiam demorar meia dúzia de páginas, alongam-se muito mais. e quanto ao final..não posso dizer que foi do meu total acordo. se no inicio da história estava a adorar, o sentimento foi-se desvanecendo aos poucos embora intercalando-se com momentos mais aliciantes e frases que saltam à vista e que merecem ser apontadas.

 

"you are a true poet - ... - you express your ideas in metaphor."

"outside our small place flies mystery."

"if it nothing to you, it is much to me."


publicado por eli às 12:12
link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De marina a 2 de Agosto de 2007 às 00:28
também vi o filme e fiquei desde aí com vontade de ler o livro... nunca calhou, mas depois do que disseste também não fiquei muito entusiasmada lol =)


De maryjo a 2 de Agosto de 2007 às 13:08
Tambem vi o filme e adorei. Tal como voces tambem pensei em ler o livro. Mas traduzium excerto numa aula de tradução e parece k nao ficou ca o bichinho da vontade de continuar a ler mais. De qualquer maneira, nunca se sabe. LOL

***************


De xary a 23 de Agosto de 2007 às 17:59
vi uns pedaços do filme e não li o livro; sinceramente nem sei se irei ler. das pessoas que já leram fiquei com a impressão de que a grossura da obra acaba por cansar o leitor e perder a magia inicial. desgastar a atenção. às vezes acontece :)

mas aguentaste-o bem ;) levou dois meses mas acabou! hehe

beijo grande *


De cate* a 2 de Abril de 2008 às 22:54
estava no segundo ano da licenciatura e decidi que ia ter um cadeira que se chamava 'estudos vitorianos'. plo meio tive de ler dois livros, Possesion foi um deles. gostei mais do livro que do filme. mas o filme não é mau, serviu para dar uma cara às personagens que estavam disformes na minha imaginação. fiz uma frequência sobre o livro. tive 16. lol logo, não posso dizer mal sobre o livro. gostei tanto dele que ainda me lembro de uma frase que me ficou marcada 'No mere human can stand in a fire and not be consumed.' xD go figure. é destas coisas... =) *


De Anna a 3 de Novembro de 2008 às 00:10
Também descobri este livro da mesma forma: vi o filme e fiquei encantada com a história... há já uns 3 anos atrás... Comprei o livro de imediato, na altura ainda nem havia versão traduzida, mas confesso que desde o início me senti "intimidada" por ele, sobretudo pelas epígrafes dos capítulos, a densidade dos poemas... De forma que nunca cheguei a entrar efectivamente no livro...
Peguei nele agora, tentando atenuar a culpa que sentia pela presença reprovadora do livro na minha mesa de cabeceira, como que me acusando de negligência, de indiferença...
Continuo a achar a história apaixonante, mas concordo contigo, encontramos por aqui passagens demasiado maçudas que nos fazem arrefecer o interesse... Provavelmente, tal como aconteceu contigo, ele acompanhar-me-á durante os próximos dois ou três meses, mas espero não me desiludir, apesar de tudo!
Boas leituras*



Comentar post

.mais sobre nós.

.pesquisar

 

.a firefly lê.

.auto-biografia de bernardo soares, livro do desassossego

.a joana lê.

.nineteen eighty-four, george orwell

.a marina lê.

.never let me go, kazuo ishiguro

.a maryjo lê.

.rio das flores, miguel sousa tavares

.a eli lê.

.cultura, dietrich schwanitz

.a sancie lê.

.little men, louisa may alcott

.a xary lê.

.the portable dorothy parker, dorothy parker

.links.

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
29
30

31


.posts recentes.

. rio libertino

. Distance

. um outro amor

. The Sea

. Em busca do carneiro selv...

. Never Let Me Go

. os retornados: um amor nu...

. ...

. duas irmãs, um rei

. The Favorite Game

.tags

. todas as tags

.arquivos.

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tanta gente.

SAPO Blogs

.subscrever feeds