Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2006

alguns porquês ...

" Por isso nos expulsavam de lá. Mas, uma vez postos na rua, havia ainda o receio de que as nossas liberdades comunicassem de uns para os outros e ficassem, por isso, ainda mais fortes"

(...)

"mas só ouvia as pancadas do coração. O vulto negro da noite inchava entre as luzes, conglomerava-se nos tectos"

(...)

"gritaram todos aos meus ouvidos horrorizados da minha crueldade. Mas só a noite chorou comigo a minha dor, com um amor longínquo de estrelas e de silêncio" *

* talvez esta última seja, mesmo, uma das minhas frases preferidas. ecoa. risca-se por dentro. e fica. e no contexto da história torna-se ainda mais poderosa...


publicado por Firefly às 09:29
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De eli a 13 de Dezembro de 2006 às 20:36
por vezes só temos algo abstracto ali ao pé de nós, que nos ampara quando precisamos... quando falta o resto...
**


De xary a 14 de Dezembro de 2006 às 00:50
a noite é mais amiga do que pensamos. tem duas faces como tudo na vida. mas muito amiga. silenciosamente acalma o que dói. e fala pelas estrelas. diz o que os outros não dizem, mesmo possuindo o poder das palavras.

beijos babe * :)


De maryjo a 14 de Dezembro de 2006 às 01:20
A noite é conselheira e reconfortante...
Amiga e faz-nos sonhar...
é a noite que guarda os nossos maiores desejos e segredos...
é ela que guarda tudo o que é nosso...
MAIS MAIS!!!

lol

love u babe


De Tribalsoul a 27 de Janeiro de 2007 às 19:52
A noite é uma presença que se sente mais quando estamos a sós, uma verdadeira conselheira e por vezes uma autêntica musa inspiradora.
Mas há maneiras muito diferentes de nos expressarmos, diferentes "sentires" e palavras que podem tomar várias direcções, dependendo até de quem as lê e interpreta, tanto ou mais do que quem as escreve


Comentar post

.mais sobre nós.

.pesquisar

 

.a firefly lê.

.auto-biografia de bernardo soares, livro do desassossego

.a joana lê.

.nineteen eighty-four, george orwell

.a marina lê.

.never let me go, kazuo ishiguro

.a maryjo lê.

.rio das flores, miguel sousa tavares

.a eli lê.

.cultura, dietrich schwanitz

.a sancie lê.

.little men, louisa may alcott

.a xary lê.

.the portable dorothy parker, dorothy parker

.links.

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
29
30

31


.posts recentes.

. rio libertino

. Distance

. um outro amor

. The Sea

. Em busca do carneiro selv...

. Never Let Me Go

. os retornados: um amor nu...

. ...

. duas irmãs, um rei

. The Favorite Game

.tags

. todas as tags

.arquivos.

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tanta gente.

SAPO Blogs

.subscrever feeds