Domingo, 5 de Outubro de 2008

a marijuana

 

 

 

Este livro, tem como tema principal a Canábis, uma planta bastante conhecida. Esta nem sempre foi usada com a mesma intenção. Se hoje muitos são os jovens que a fumam à procura de um estado de descontracção, anteriormente era um importante remédio contra doenças e sintomas das mesmas. Muitos foram aqueles que se levantaram em sua defesa e em defesa daqueles que a usavam como medicamento. Graças ao governo uma simples planta com puderes analgésicos passou a fazer parte da lista das drogas proibidas. Quem a quisesse usar por causa dos seus efeitos medicinais tinha que pagar. “Teria o desfecho sido diferente, se uma grande empresa química, com enormes recursos financeiros, tivesse interesses comerciais na canábis?” Talvez…

 

De acordo com os médicos que escreveram este livro a “marijuana, na sua forma natural, é uma das substâncias terapêuticas activas mais seguras que o homem conhece.” e “ o uso de marijuana no tratamento de glaucoma e de náuseas induzidas pela quimioterapia do cancro.” No entanto, no estado do Luisiana, a marijuana não era disponibilizada legalmente aos pacientes, o que os levava a recorrer a canábis ilegal e pelo menos um deles chegou a ser preso.

 

Uma história que mostra a realidade absurda da proibição do uso da marijuana é contada brevemente. Kenneth e Barbra Jenks são um casal da Florida, na casa dos 20. Barbra contraiu o vírus da sida através de uma transfusão sanguínea infectada dada ao seu marido hemofílico. Ambos sofriam de náuseas, vómitos e perda de apetite e o médico receava que Barbra morresse de fome antes que a doença a matasse. No inicio de 1989, informaram-se sobre a marijuana, começaram a fumar e durante um ano tiveram uma vida normal, sentiam-se melhor, recuperaram o peso e mantinham-se longe do hospital. Kenneth até manteve o seu emprego. No entanto alguém os denunciou e em 29 de Março de 1990, agentes da brigada de narcóticos, armados, arrombaram a porta da caravana onde os Jenks viviam, encostaram uma arma à cabeça de Barbra e apreenderam duas pequenas plantas de marijuana que plantavam porque não tinham dinheiro para comprar na rua. Na florida, cultivar marijuana é crime e arriscavam-se até 5 anos de prisão. No julgamento, invocaram a necessidade clínica, o juiz rejeitou a defesa e condenou-os a pena suspensa. O caso foi tornado conhecido e obtiveram uma autorização para o uso. Muitos foram os doentes de sida que pediram a mesma autorização.

 

Em 1991, foi afirmado que os cidadãos que necessitassem iriam ter uma autorização mas o mesmo não veio a acontecer porque “minava a oposição da administração Bush ao uso de drogas ilegais. “Se constasse que o serviço de saúde pública anda por aí a dar marijuana ao pessoal, haveria a percepção de que essa coisa não pode ser assim tão má…. Dá mau aspecto.”

 

Parece-me a mim que entre dar mau aspecto ou ajudar as pessoas a terem uma vida com dignidade, “acho” que escolhia a dignidade, mas secalhar sou só eu.

Um livro que nos faz ver as coisas de outra forma, ver que uma simples erva pode ajudar pessoas a terem uma melhor qualidade de vida nem que seja nos seus últimos dias.


publicado por eli às 11:38
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre nós.

.pesquisar

 

.a firefly lê.

.auto-biografia de bernardo soares, livro do desassossego

.a joana lê.

.nineteen eighty-four, george orwell

.a marina lê.

.never let me go, kazuo ishiguro

.a maryjo lê.

.rio das flores, miguel sousa tavares

.a eli lê.

.cultura, dietrich schwanitz

.a sancie lê.

.little men, louisa may alcott

.a xary lê.

.the portable dorothy parker, dorothy parker

.links.

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
29
30

31


.posts recentes.

. a marijuana

.tags

. todas as tags

.arquivos.

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tanta gente.

blogs SAPO

.subscrever feeds